Ontem, na competição PWN2OWN da conferência CanSecWest em Vancouver, um hacker conseguiu explorar uma falha de segurança no novo Internet Explorer 8 em apenas alguns minutos e poucas tempo depois de o browser ser lançado oficialmente pela Microsoft.

O hacker, um alemão de 25 anos que se apresentou com o nome de código Nils, foi o responsável pela proeza e, como prémio, ganhou 5 mil dólares e o laptop Sony Vaio que utilizou para realizar o exploit.

Mas as façanhas deste estudante de ciências computacionais não ficaram por aqui. No final do dia, e depois de assinar um acordo para o sigilo da falha, o jovem conseguiu encontrar e explorer falhas no Safari e no Firefox, o que lhe valeu uma recompense de mais 5 mil dólares por cada falha. Ou seja, no final da iniciativa recebeu 15 mil dólares e os equipamentos onde executou as tentativas de hacking.

Nos testes aos browsers, foram utilizados computadores com uma versão a "recente e interna" do sistema operativo Windows 7, disse fonte da TippingPoint, promotora do evento.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.