A IBM anunciou ontem um novo modelo de software middleware que junta as qualidades associadas à computação Web ao tradicional ambiente de computador desktop. O novo software Workplace da IBM foi desenhado para ser distribuído e acedido através de um servidor Web e para ser usado em sistemas que corram Windows e Macintosh, assim como Linux e Unix, e em dispositivos handheld, ao contrário do líder de mercado, o Office da Microsoft, que só funciona nos sistemas operativos Windows e Macintosh.



Dirigido a utilizadores empresariais, o novo pacote de software, parte da estratégia Lotus Workplace, inclui email, processador de texto, folha de cálculo e aplicações de base de dados. O bundle inclui ainda um software de gestão baseado em servidor, assim como um software para correr aplicações de produtividade em dispositivos portáteis.



Uma vez que a maioria do trabalho tem lugar no software baseado em servidor, o Workplace pode ser distribuído e actualizado centralmente. Ao contrário das aplicações Web puras, o novo software foi concebido para ser utilizado offline, para que os utilizadores móveis possam ligar-se, aceder às aplicações ou desligar-se para trabalhar offline a partir dos seus computadores portáteis ou outros dispositivos móveis. Quando se ligam, o software Workplace sincroniza o seu trabalho com as aplicações baseadas em servidor.



Segundo o noticiado pela C|Net, a empresa planeia cobrar aos seus clientes 2 dólares por utilizador para acesso ao software, além do custo do software de servidor, necessário para que o sistema funcione. O Workplace para computadores desktop é anunciado como significativamente mais barato do que o produto rival da Microsoft e também como mais seguro. Uma vez que a aplicação é gerida num servidor central, a possibilidade de um funcionário transmitir um vírus acidentalmente à rede empresarial é reduzida, defende a IBM.



Notícias Relacionadas:

2003-01-23 - IBM anuncia versão Linux de Lotus iNotes Web Access

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.