Antecipando o final do ano, a Jurinfor já colocou online a versão de 2006 da sua aplicação de cálculo do imposto sobre o rendimento singular, o IRScalc. Embora seja ainda cedo para apurar a totalidade do imposto a entregar ao Estado, ou a recuperar, as alterações realizadas este ano na retenção do imposto para os contribuintes com rendimentos de trabalho por conta de outrem aconselham a um cálculo prévio, para não haver surpresas em Fevereiro.

O IRScalc está mais uma vez disponível na sua versão gratuita, mas também em versão Familiar, que permite calcular até 20 agregados familiares, na versão Profissional, para cálculo de até 200 agregados, e na versão ilimitada, sem qualquer limite de agregados calculados.

Nuno Machado Mendonça, presidente do conselho de administração da Jurinfor, afirma em comunicado que existem mais de 100 mil utilizadores da aplicação, que nos últimos 15 anos “ganhou um lugar de referência no panorama fiscal nacional”.

Nesta nova edição o IRScalc mantém a mesma apresentação do ano passado, assim como as características de facilidade de instalação e utilização. Os utilizadores poderão mais uma vez imprimir os resultados directamente nos formulários fornecidos pelas finanças para entrega em papel ou optar pela entrega online.

Mais uma vez o IRScalc está disponível meses antes da aplicação preparada pela DGITA para cálculo do imposto e no caso de existirem alterações pontuais à legislação ou aos formulários a Jurinfor procederá como habitualmente às actualizações gratuitas da aplicação.

Notícias Relacionadas:

2005-10-10 - Jurinfor disponibiliza IRScalc a partir de dia 17 de Outubro

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.