Foi no dia 15 de novembro de 2001 que a Microsoft lançou a sua primeira consola, a Xbox, mergulhando definitivamente na indústria dos videojogos. Muita coisa mudou na indústria e mesmo para a gigante tecnológica, apesar de ter lançado no mercado a quarta geração da Xbox, a visão da empresa vai muito para lá da consola na sala de estar. É todo um ecossistema dedicado ao gaming, que inclui as consolas, os computadores com Windows 10/11, os smartphones, os serviços de subscrição e jogos em cloud.

É uma visão que tem sido maturada pelo seu líder Phil Spencer, que agarrou num departamento moribundo, e de alguma forma “à margem” do sucesso das outras linhas de negócio da Microsoft, e tem vindo a transformar como um dos principais pilares da gigante de Redmond.

Veja na galeria as consolas da família Xbox:

A Microsoft entrou no mercado do gaming através da Xbox não pelo negócio em si dos videojogos, mas porque considerou que a PlayStation 2 da Sony ameaçava o ecossistema dos computadores pessoais, ao colocar-se como media center das salas de estar, uma vez que a consola suportava CDs e DVDs. A Microsoft avançou assim com o projeto criado pela equipa de engenheiros do departamento DirectX. É daqui que surge o X da Box, uma consola baseada em componentes de PC, a correr uma versão do Windows e suportado pela tecnologia DirectX. O objetivo era facilitar a vida dos developers a criar jogos para PC que fossem depois convertidos à Xbox.

Mas mais que a comemoração do lançamento da Xbox, a Microsoft está a celebrar o lançamento da série Halo, o jogo que acompanhou a Xbox em 2001. Em dezembro vai ser lançado o novo capítulo protagonizado por Master Chief, Halo Infinite. A série criada originalmente pela Bungie e agora mantida pela 343 Industries, já vendeu mais de 81 milhões de cópias em todo o mundo, tendo gerado mais de 6 mil milhões de dólares em produtos associados até à data, diz a Microsoft.

Veja na galeria imagens de Halo Infinite:

A fabricante partilhou ainda alguns números curiosos da coletânea Halo: The Master Chief Collection no PC e Xbox One, tendo vendido mais de 3 milhões de unidades apenas na semana de lançamento. E que no total, desde o seu lançamento em 2020, já foram jogadas 41 milhões de horas no PC.

Master Chief, o protagonista da série, é a terceira personagem mais reconhecida dos videojogos, segundo uma sondagem feita pelo livro de recordes do Guinness, juntamente com Mario e Link, o protagonista de The Legend of Zelda. E não há dúvida que Halo já não é apenas uma série de jogos, mas um universo expandido, com 30 novelas literárias e em breve uma série televisiva.

Com Halo Infinite, que não tem estado livre de polémicas pelo seu adiamento e lançamento parcial: apenas a campanha e o multijogador free-to-play estão disponíveis no lançamento, seguindo-se no próximo ano o editor de mapas Forge e o suporte cooperativo da campanha). A Microsoft promete cross-play entre as consolas e PC na sua vertente gratuita multijogador. Além disso, mesmo tratando-se do jogo mais importante do seu catálogo, Halo Infinite será gratuito para subscritores Game Pass. O seu mapa aberto promete ser a maior campanha que a série alguma vez ofereceu.

Veja na galeria imagens da edição especial da Xbox Series X dedicada a Halo Infinite:

A partir das 18h00, a equipa da Xbox vai transmitir nos seus canais um evento comemorativo da consola e da série Halo dedicada aos seus fãs. Pode assistir no canal da Twitch, Facebook e YouTube.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.