A "concorrência publicitária" não é de agora, mas tem novos desenvolvimentos. A Microsoft colocou online uma página onde compara computadores Windows com as máquinas da Apple, argumentando que a única diferença está nos preços (mais altos) praticados pela eterna rival.

A página está alojada no site canadiano da gigante de Redmond e tem o sugestivo nome de "Do The Math" (algo como "faz as contas").

Com a campanha, a Microsoft pretende demonstrar a competitividade dos seus sistemas a nível de preços, graças aos quais os utilizadores poderão "ficar com algum dinheiro extra para gastar noutras coisas", alega a fabricante, numa clara alusão aos elevados valores praticados pela concorrente.

No site é possível escolher entre os diferentes modelos Apple e compará-los com computadores Windows, ou seja, em resposta aos iMac, MacBook Pro e MacBook Air são apresentados modelos equivalentes da HP, Acer, Toshiba, Sony, etc.

A imagem da campanha põe frente a frente um MacBook Pro 17 (2.349 dólares) e un HP Pavilion DV7 (999 dólares), este último "enfeitado" com uma palmeira, uma prancha de surf e um colar havaiano, sugerindo que com o que se poupa na compra deste modelo em detrimento da sugestão da Apple, é possível ir de férias até ao Havai.

[caption]Nome da imagem[/caption]

À medida que a notícia do lançamento da campanha vai correndo mundo, há quem aponte algumas "falhas" na estratégia da argumentação da Microsoft, nomeadamente o facto de não mencionar placas gráficas ou comparar características como discos rígidos tradicionais e discos SDD.

Independentemente da origem, as críticas à Apple parecem não abalar o bom momento da empresa gerida por Steve Jobs, que foi apontada no ranking Brandz, da consultora Millward Brown, como a marca mais valiosa do mundo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.