Embora os resultados de venda das consolas GameCube continuem a desiludir face a uma dominadora PlayStation 2 da rival Sony, a Nintendo parece encontrar alguma "consolação" na crescente força dos seus modelos portáteis.



A fabricante japonesa de vídeo jogos mostrou ontem ter objectivos ambiciosos para as suas novas máquinas GameBoy Advance SP, pretendendo que as vendas aumentem em um terço no ano fiscal que tem início a 1 de Abril próximo.



A Nintendo pretende comercializar dois milhões de unidades GameBoy Advance SP nas primeiras seis semanas após o lançamento, marcado para 14 de Fevereiro, afirmou o Satoru Iwata, presidente da empresa em conferência de imprensa. Para todo o ano fiscal, a fabricante de consolas apresenta uma previsão de vendas mundiais de 20 milhões de unidades.



Apesar do optimismo, a empresa japonesa terá que considerar contudo o surgimento de uma nova rival no mercado das consolas portáteis, já que a gigante dos telemóveis Nokia dará a conhecer em breve a sua primeira máquina de jogos portátil.



Notícias Relacionadas:

2003-01-26 - Nova GameCube Nintendo a partir de 2005

2003-01-08 - Nintendo mantém posição no mercado europeu e lança novo GameBoy Advance

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.