A Microsoft afirmou ontem aos membros do grupo de testes do Office 11, a nova versão da sua suite de ferramentas de produtividade para escritório, que esta irá apenas funcionar com o Windows 2000 com o Service Pack 3 instalado, o Windows XP e sistemas operativos futuros da companhia, noticiou a publicação online eWeek.

Isso significa que mais de 50 por cento da base instalada de clientes da produtora de software, que ainda têm o Windows 95, 98/98SE, NT e Millenium, não poderão efectuar a actualização para o Office 11 quando este for lançado no próximo ano sem primeiro actualizarem, pelo menos, para o Windows 2000 com o Service Pack 3 instalado.

Estes sistemas operativos representam ainda uma quota de 52 por cento do total do mercado, embora se estime que o seu peso diminua para os 40 por cento no próximo ano. De acordo com um porta-voz da Microsoft, o Office 11 destina-se principalmente a médias e grandes empresas, a maior parte das quais já utilizam o Windows 2000 ou XP, na sua opinião.

Numa mensagem enviada aos grupos de discussão relacionados com a versão beta do novo Office, Sloan Crayton, do serviço de suporte do Microsoft Office Beta, anunciou que a empresa ia remover o suporte para o Windows 9x, código que está na base de todas as versões da plataforma anteriores ao Windows 2000, justificando essa decisão com uma série de razões.


"O Windows 98/98SE está a ficar um bocado ultrapassado. Esta decisão também se relaciona fortemente com o esforço de tentar melhorar a segurança nos nossos produtos". Crayton refere ainda que "o Windows 9x é inerentemente inseguro. Por outro lado, fazer com que os nossos produtos funcionem bem com o Windows 9x também demora algum tempo de programação. Determinámos que seria mais eficaz gastar esse tempo a contribuir para que os nosso produtos funcionem melhor com as plataformas mais avançadas".


Notícias Relacionadas:
2002-10-23 - Microsoft inicia testes de versão beta do Office 11

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.