A Opera lançou recentemente a
primeira edição preview da sétima versão do seu browser da Web
para o sistema operativo open source Linux, cujo lançamento oficial
para o Windows ocorreu há poucas semanas. Apesar das funcionalidades
específicas para o Linux da versão 6.1 terem desaparecido nesta edição
provisória, o navegador integra ainda um cliente de correio electrónico e de
newsgroups.

Por outro lado, a configuração das fontes também pode ser complicada e a
estabilidade do programa ainda é reduzida, bloqueando por vezes. Os
utilizadores interessados podem efectuar o download a partir desta página e escolher entre o pacote estático ou partilhado
(ligado dinamicamente), existindo ainda pacotes em formato RPM, para as
distribuições da Red Hat, e
DEB para as distribuições Debian.

Como reacção à tentativa deliberada do MSN, o site de serviços da Microsoft, de não carregar
directamente em versões do browser da companhia norueguesa, de forma a
que os utilizadores ficassem com a impressão de que o problema estava no
software da Opera, a empresa lançou uma edição especial comemorativa
do Opera 7 que é totalmente funcional, exceptuando o facto de traduzir o
conteúdo do MSN numa língua sueca.

Notícias Relacionadas:
2002-08-22 - Opera
reescreve código do seu browser para obter ganhos de
velocidade

2001-11-30 - Novo
Opera 6.0 surge com interface personalizável

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.