A partir do dia 1 de Julho estará disponível para download o primeiro software de gestão totalmente gratuito da Primavera. O Primavera Express destina-se às micro-empresas e empresários de nome individual, disponibilizando as funcionalidades básicas de suporte à gestão de vendas, stocks e contas correntes de clientes.


Durante a apresentação do Primavera Express à imprensa José Dionísio, presidente da Primavera, referiu que apesar da software house "dar atenção às empresas pequena e grande dimensão não há razão para não apoiar as muito pequenas empresas". Desta forma, o mesmo responsável afirma que o objectivo é levar o novo produto "às micro-empresas, com um posto de trabalho e necessidades muito básicas de processamento de informação", uma vez que a Primavera "deixa a partir da versão 7 de explorar em termos comerciais mas para o qual considera oportuna a disponibilização de uma solução nos moldes anunciados, isto é, sem custos para o utilizador".



José Dionísio refere que mesmo não tendo uma estimativa provável para o número de clientes do novo Primavera Express, esta é uma solução que permite levar as soluções Primavera a um mercado ainda por explorar, sendo que "quem gostar e estiver interessado poderá depois dar o passo seguinte integrado na Linha Standard".



Apesar de ser uma plataforma de utilização intuitiva, a Primavera disponibiliza um serviço de helpdesk por forma a apoiar telefonicamente os utilizadores menos preparados do ponto de vista tecnológico.


Versão 7.0 no terceiro trimestre

Durante o evento foi anunciado o lançamento de uma nova versão do software Primavera, a versão 7.0, previsto para o último trimestre deste ano. A nova versão destaca-se por ser o primeiro produto da Primavera com tecnologia multi-idioma embutida, com localização fiscal e legal para Portugal, Espanha e PALOP, e disponível de raiz em português, castelhano e inglês.



Carlos Morais, vice-presidente executivo da Primavera, refere que este é o primeiro produto desenvolvido a pensar no mercado internacional "numa altura em que as empresas procuram investir em plataformas tecnológicas flexíveis e facilmente parametrizáveis [...] que permite, a qualquer momento, e num curto espaço de tempo, adaptar as soluções a um novo idioma".



Além do idioma, esta versão inclui a adaptação ao sistema de fiscalidade espanhola, diferente da nacional.



A versão 7.0 coloca à disposição dos utilizadores uma edição marcada por um forte investimento na "concepção e desenvolvimento em termos de análise, prototipagem, planeamento, desenvolvimento, user experience, suporte pré-venda e logística", diz o mesmo responsável.



Para além de continuar a estratégia anterior, a versão 7.0 apostou no upgrade do Microsoft Solutions Framework (MSF) - evoluindo para a versão 3.0 -, como suporte ao processo de desenvolvimento, que culminou com a inclusão, pela primeira vez de um programa de Testes Beta Users, designado por Product Quality Program (PQP). O PQP já está em vigor e a ser testado em ambientes reais "por um período de 6 meses antes de ser lançado", referiu Carlos Morais.



Esta versão necessitou de um investimento de 1,5 milhões de euros, o maior efectuado pela empresa no lançamento de um novo produto, e envolveu 50 mil horas de desenvolvimento por parte dos engenheiros envolvidos no projecto.



"Esta lançamento representa o início de um novo ciclo empresarial da Primavera, um ciclo marcado pela globalização e pela vontade de continuar a inovar, crescer, e de se afirmar no mercado internacional de software de gestão", avança o mesmo responsável.



As principais novidades no produto destacam-se ao nível da área comercial, na área administrativa e financeira e portais empresariais.



A nova versão inclui novos módulos, nomeadamente o Primavera ERM/CRM, que permite gerir todo os tipos de contactos com que normalmente as empresas têm necessidade de lidar, entre outras funcionalidades, e o módulo de gestão de projectos/obras, que permite uma resposta simples e eficaz a organizações que necessitem de gerir projectos ou obras, oferecendo-lhes uma solução que preste auxílio ao nível dos orçamentos.



Esta é uma clara aposta da empresa na oferta de soluções para sectores específicos, nomeadamente ao nível da construção e da indústria, que se destaca pela sua cobertura de processos mais abrangente e com maior fluidez de processos.



Esta nova versão destina-se aos clientes já existentes, sendo que os "7,5 mil de clientes com contratos de continuidade terão a nova versão de forma automática, enquanto os outros terão de passar por um processo normal de migração".



A solução será distribuída através de uma rede de parceiros, estando a ser desenvolvidos contactos em Espanha para uma rede semelhante à existente no nosso país.

Notícias Relacionadas:

2006-05-16- Primavera Software vence prémio PME Inovadora da COTEC

2001-08-20 - Primavera Administração Pública disponível a partir de Setembro

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.