Todos os empregados da Microsoft que estão a trabalhar na próxima versão da Xbox terão recebido um email que parece colocar um ponto final na questão da consola ter que estar sempre ligada à Internet para que todos as seus serviços funcionem: é, alegadamente, mentira.

O Ars Technica diz que teve acesso à mensagem que foi transmitida aos developers do projeto Durango - nome de código da próxima Xbox - e na qual podia ler-se:

"A Durango é desenhada para assegurar o futuro do entretenimento ao mesmo tempo que é construída para ser tolerante à Internet dos dias atuais. Existe um número de cenários que os nossos utilizadores esperam que funcione sem uma ligação à Internet e esses devem 'simplesmente funcionar' independentemente do estado de conexão. Reproduzir um Blu-Ray, ver transmissões em direto de televisão e sim, jogar um jogo em modo singular".

Por clarificar fica se durante o processo de instalação de um jogo é necessária também ligação à Internet e se os títulos jogáveis vão ser alvo de uma confirmação online - que tanto pode ser usada para prevenir pirataria de conteúdos como pode prevenir o uso de jogos em segunda mão, outro "fantasma" que tem pairado sobre a sucessora da bem sucedida Xbox 360.

Outras informações recentes davam conta de que a obrigatoriedade de um jogo estar ligado à Internet para funcionar iria depender dos estúdios de produção e não seria uma decisão imposta pela Microsoft.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.