A Samsung Display, a divisão da fabricante encarregue pela investigação e desenvolvimento de ecrãs, espera dar mais um salto tecnológico através da introdução no mercado do primeiro display OLED a 90 Hz para computadores portáteis. A tecnologia promete uma maior performance nas imagens ao nível de um ecrã LCD a 120 Hz. Até aqui, a maioria dos portáteis oferecem uma taxa de refrescamento de 60 Hz e a Samsung prevê entrar em produção em massa dos OLED a 90 Hz ainda durante o primeiro trimestre do ano.

Segundo o CEO da divisão, Joo Sun Choi, a empresa vai fornecer grandes quantidades de ecrãs de 14 polegadas a partir de março, destinados a portáteis e notebooks. A Samsung espera assim um aumento na qualidade e performance nas necessidades dos utilizadores, numa altura em que o teletrabalho e o ensino em casa ganham novo destaque.

Não foram avançados nomes, mas a Samsung revelou que já tem diversos parceiros a trabalhar na atualização dos seus modelos para oferecer produtos baseados no novo ecrã. A nova tecnologia necessita de especificações elevadas de hardware, por isso o foco poderá ser os computadores de gaming, que ganham a capacidade de renderizar 90 imagens estáticas por segundo, tornando os movimentos mais fluídos. O mesmo para profissionais de vídeo e na área artística podem ganhar com a tecnologia. E nunca esquecendo o entretenimento na área dos filmes e séries, com a oferta de imagens mais vibrantes.

Durante os seus testes, a Samsung afirma que o seu novo ecrã OLED de 90 Hz consegue obter uma taxa de atualização 10 vezes mais rápida que as soluções atualmente no mercado. Neste caso, equivalendo-se a praticamente a mesma taxa de um LCD a 120 Hz.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.