A Microsoft e a Sony anunciaram ontem, quarta-feira, novos cortes nos preços das suas consolas de jogos na Europa, representando em média uma diminuição de 17 por cento.



Com um intervalo de apenas uma hora entre si, primeiro a Sony Computer Entertainment Europe (SCEE), uma unidade da Sony, e em seguida a Microsoft revelaram que iriam diminuir o preço recomendado de venda a retalho das suas máquinas de jogos PlayStation 2 e Xbox - respectivamente - de 299 para 249 euros. As duas fabricantes também diminuíram o custo das máquinas no Reino Unido.



As três gigantes dos jogos vídeos - incluindo a japonesa Nintendo cuja consola GameCube pode ser adquirida por 199 euros na Europa -, pretendem realizar até ao Natal iniciativas de marketing e de vendas para aumentarem as suas receitas.



Um estudo recente realizado pelo grupo de analistas da indústria do sector Games Analyst estima que as vendas de consolas e de jogos na Europa irão atingir os 7,5 mil milhões de dólares (7,63 mil milhões de euros) até ao final do ano. Outras previsões calcularam que o volume total das vendas de jogos ascenda aos 31 mil milhões de dólares (31,56 mil milhões de dólares).



É provável que estas recentes reduções de preços contribuam para aumentar a posição da PlayStation 2 como a consola com maior número de unidades comercializadas em todo o mundo. A Sony já vendeu mais de 30 milhões de unidades desde o lançamento da máquina de jogos, em Março de 2000.



A GameCube da Nintendo é a segunda consola que mais tem vendido a seguir à PS2, ocupando a Xbox o terceiro lugar. A companhia anunciou igualmente ontem que já vendeu um milhão de GameCubes na Europa durante as 11 semanas após o lançamento europeu no início de Maio e espera que as vendas neste continente atinjam os três milhões de unidades até ao final do ano. Por altura do próximo Natal, a Nintendo pretende ter disponíveis nas lojas 100 jogos.



A Xbox da Microsoft teve um início bastante fraco até que a empresa decidiu reduzir o seu preço, o que fez aumentar as vendas. Até ao final de Julho, a Microsoft tinha vendido em todo o mundo apenas quatro milhões de consolas desde o seu lançamento em Novembro do ano passado.



As fabricantes de consolas perdem tradicionalmente dinheiro com as vendas do seu hardware. Esse montante é recuperado através da cobrança de royalties por cada jogo vendido. A Xbox tem um preço mais elevado de produção do que a PlayStation 2. Alguns analistas estimam que a Microsoft perde entre 76 a 105 dólares (entre 77,39 e 106,92 euros) por cada consola vendida.


Notícias Relacionadas:

2002-05-15 - Sony reduz preço da PlayStation 2 nos Estados Unidos em 100 dólares

2002-04-22 - Nintendo desce preço de GameCube para 199 euros

2002-04-18 - Xbox vai custar menos 40% a partir de 26 de Abril

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.