Os CDs com a polémica tecnologia anti-cópia Extended Copy Protection (XCP) da Sony vão ser retirados do mercado, garante a fabricante num comunicado onde apresenta desculpas pelos danos causados, mas reitera o direito de impedir que os seus clientes façam cópias ilegais da música que distribui.



A Sony BMG indica por isso que irá suspender a produção de CDs protegidos daquela forma, mas apenas temporariamente. "Vamos voltar a analisar todos os aspectos da nossa iniciativa de protecção de conteúdos para assegurarmos que cumpre os nossos objectivos de segurança e facilidades para o consumidor", explica no comunicado de imprensa.



O mesmo documento adianta que aqueles que entretanto adquiriram os CDs - que contêm ficheiros escondidos que quando lidos deixam os computadores vulneráveis a ameaças informáticas - poderão trocá-los.



A Sony indica que foram lançados mais de 20 títulos com o software de protecção XCP e fabricados mais de quatro milhões de discos, dos quais foram vendidos 2,1 milhões.



A editora da Sony começou a integrar a protecção anti-cópia nos seus CDs em Junho de 2004 com o lançamento de um álbum dos Velvet Revolver. Descobriu-se entretanto que a tecnologia inclui um elemento denominado rootkit que ao instalar-se no computador limita a sua capacidade normal e actua como software espião, já que envia informação para o exterior acerca dos hábitos do utilizador (ver Notícias Relacionadas).



A Microsoft entretanto pretende incorporar um sistema de detecção e eliminação para a componente tipo "rootkit" do software XCP na versão beta do Microsoft Windows AntiSpyware. A gigante da informática diz considerar a tecnologia da Sony um risco para a segurança dos computadores que utilizam os seus sistemas operativos.



Nota de redacção: [2005-11-16 10:24] A notícia foi actualizada com mais informação.



Notícias Relacionadas:

2005-11-11 - Descoberto primeiro troiano em sistema anticópia da Sony

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.