A Consumer Electronics Association (CEA), associação norte-americana representante da indústria de bens de consumo electrónicos, adiantou que o volume de negócios deste mercado será de 95 mil milhões de dólares até ao final do ano nos EUA. Quanto ao volume de vendas entre fabricantes e vendedores cresceu, entre 2001 e 2002, de 93,7 mil milhões de dólares para 93,9 mil milhões de dólares.

Estas são algumas das principais conclusões de um relatório da associação que traça uma panorâmica sobre o estado da indústria de bens electrónicos de consumo de 1999 a 2004. Para o efeito o relatório cobre o volume de vendas de vários tipos de produtos electrónicos, como vídeos, aparelhagens áudio, consolas de jogos e, pela primeira vez este ano, PDAs.

O estudo conclui ainda que no ano de 2002, produtos como ecrãs plasma e LCD, leitores de MP3, acessórios para consolas de jogos ou câmaras digitais se mantiveram como os mais vendidos no segmento de mercado de dos bens de consumo digitais.

Segundo Sean Wargo, director de Análise de Indústria da CEA, citado por um comunicado de imprensa da associação, "a indústria de bens de consumo electrónicos é baseada na inovação e, certamente vivemos num período sem precedentes em termos de riqueza de produtos no mercado". Para o mesmo "a vasta gama de produtos disponíveis levou a algumas mudanças positivas entre as nossas estimativas iniciais de crescimento e os números reais, recentemente ajustados".

Ainda segundo Wargo, "a procura continuada dos consumidores em relação a produtos digitais irá conduzir as vendas de bens de consumo electrónicos a um crescimento recorde até ao final de 2003". Segundo o estudo, o ano de 2003 tem sido rico em vendas de televisões com ecrãs plasma e LCD, PCs, telefones sem fios, câmaras digitais e leitores de MP3.

Notícias Relacionadas:

2003-01-08 - Vendas de electrónica de consumo nos EUA atingem novos valores recorde em 2003

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.