Lançado no final de julho, o Windows 10 chegou de forma diferente das versões anteriores do sistema operativo, com a Microsoft a garantir a possibilidade de atualizar gratuitamente para a nova versão, a partir de qualquer máquina com Windows 7 ou 8.1. Talvez por isso, o ritmo de adesão ao upgrade tenha registado números simpáticos já numa fase inicial. Os dados da StatCounter para o mercado de desktops, referentes a agosto, mostram que o Windows 10 já é o quarto sistema operativo mais usado em todo o mundo.

Continua atrás do Windows 8.1, do XP ou do Windows 7, mas já tem uma quota superior à do Windows 8 ou do Mac OS X Yosemite, como mostra o NetMarketShare, dados que os últimos números revelados pela Microsoft já faziam antecipar, quando a empresa divulgou na semana passada que o SO já estava em 75 milhões de máquinas.

Para chegar à mesma marca (suportar 5% das máquinas ligadas à Internet), o antecessor Windows 8 precisou de muito mais tempo. Um mês depois do lançamento, no final de outubro de 2012, era detetado apenas em 1% do tráfego web monitorizado pela StatCounter. A quota de 5% foi atingida apenas em junho do ano seguinte. 

 

 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.