A Amazon está a preparar-se para lançar o serviço Kindle Unlimited Pages Read que tem como objetivo cobrar aos leitores por cada página de cada livro que leram. A tecnológica afirma que esta ação é uma resposta aos autores que nos “pediram para alinhar melhor os pagamentos de acordo com o tamanho dos livros e o quanto os clientes leem”.

De acordo com o comunicado divulgado, este sistema apenas vai ser válido para os autores presentes no programa Kindle Direct Publishing Select, que permite aos autores publicarem os seus próprios livros.

O novo meio de pagamento tem data de início a 1 de julho e a Amazon vai monitorizar quanto tempo os leitores vão passar em cada página. Se um leitor estiver numa página tempo suficiente, então contará como página lida e o autor será pago.

Segundo o mesmo comunicado, a tecnológica vai calcular as páginas lidas através do sistema Kindle Edition Normalized Page Count que torna padrão diversas configurações, como o tipo de letra e o espaçamento entre linhas.

A Amazon deu alguns exemplos de como a nova funcionalidade vai funcionar: se um “autor de um livro com 100 páginas que foi emprestado e lido 100 vezes vai ganhar mil dólares”. No entanto, se um “autor de um livro de 200 páginas que emprestou o livro 100 vezes mas que apenas foi lido metade iria ganhar mil dólares” também.

As receitas dos autores vão ser definidas com base num fundo calculado pela Amazon e que agora passa a contar com o número de páginas lidas para as contas finais.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.