Apesar de terem sido comprometidas toda as contas de utilizadores, a Yahoo garante que as palavras-passe não foram comprometidas, tal como as informações relativas a cartões de pagamento ou contas bancárias.

A empresa referiu, em comunicado, que todos os utilizadores estão a ser notificados por email.

Recorde-se que a situação acabou por prejudicar a venda da Yahoo. Em julho de 2016, era quase certa a aquisição da empresa de internet pela Verizon por 4,83 mil milhões de dólares, mas o negócio só se concretizou em junho de 2017, com os problemas de segurança a fazerem baixar o valor inicial em cerca de 250 milhões de dólares.

"A Verizon está comprometida com os standards mais elevados de responsabilização e transparência e estamos a trabalhar proativamente para garantir a segurança dos nossos utilizadores e das nossas redes num panorama de ameaças online sempre em evolução”, pode ler-se no comunicado da responsável de segurança da Verizon, Chandra McMahon.

“O nosso investimento na Yahoo está a permitir a essa equipa continuar a dar passos significativos para melhorar a sua segurança assim como a experiência e recursos da Verizon", transcreve o Techcrunch.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.