De acordo com um relatório de 2019 da Bond Capital, metade da população mundial está ligada à internet, prevendo-se que, em 2025, existam mais de 41 mil milhões de dispositivos conectados. Neste panorama a cibercriminalidade continua a crescer e a tornar-se cada vez mais avançada. O mais recente relatório de segurança da McAfee Labs indica que surgem oito novas ameaças a cada segundo.

Os dados  mais recentes demonstram um aumento total de malware de 30% e de software malicioso para dispositivos móveis em 29% ao longo dos últimos quatro trimestres. Os cibercriminosos continuam a atacar na frente do malware de mineração de criptomoedas, descobrindo novas formas de aceder aos dispositivos dos utilizadores sem que estes se apercebam ou que as vejam como ransomware.

Para Marc Vos, gestor sénior global de opiniões de consumidores da McAfee, os criminosos optam cada vez mais pelo malware de mineração de criptomoedas em vez de ransomware. Ambos têm em vista a obtenção de moedas digitais, no entanto o primeiro tipo de software pode ser mais facilmente instalado nos dispositivos dos utilizadores.

O malware acaba por passar despercebido aos olhos das suas vítimas. Em muitos dos casos o utilizador apenas notará que as funções do seu computador estão mais lentas ou que a ventoinha do dispositivo está a funcionar no máximo mesmo quando nenhuma aplicação está aberta, elucidou o responsável na apresentação da nova gama de produtos de consumo da empresa, esta quarta-feira, em Lisboa.

Privacidade e segurança adaptadas a mundo cada vez mais digital

Para dar resposta às ameaças que surgem a cada dia, a McAfee avança com uma linha de produtos com ênfase não só nas questões da privacidade e da segurança contra os novos tipos de ciberataques, mas também na adaptação do software ao estilo de vida digital dos gamers.

Com cada vez mais consumidores preocupados com a sua privacidade online, a empresa de segurança decidiu apostar num serviço de VPN com o McAfee Safe Connect. Tal como afirmou Marc Vos, os utilizadores estão aos poucos a aperceber-se de que as redes virtuais privadas “passaram a ser uma necessidade atualmente”. No caso do mercado europeu a questão da privacidade da informação passou a ser um dos grandes focos com a entrada em vigor do Regulamento Geral de Proteção de Dados, relembrou o responsável.

As redes privadas virtuais podem ajudar o utilizador a manter-se seguro quando acede à Internet em espaços públicos, sendo que 60% das pessoas que utiliza VPNs fá-lo quando navega em redes WiFi públicas. No entanto, a maioria dos internautas ainda não tem em conta as vulnerabilidades deste tipo de rede. Segundo Marc Vos “muitas pessoas utilizam a WiFi pública de uma forma irresponsável”.

O serviço da empresa de cibersegurança está disponível para Windows, Android, iOS e para download através de várias lojas de apps, estando também incluído com o McAfee Total Protection e o McAfee LiveSafe.

A proteção contra ataques de malware de mineração de criptomoedas sai também reforçada com a aposta da empresa no novo McAfee Cryptojacking Block, o qual deteta scripts e variantes deste tipo de software malicioso, bloqueando as páginas infetadas. Adicionado ao Web Advisor da marca, para já, a funcionalidade está apenas disponível para utilizadores do Google Chrome.

Para o gestor sénior global de opiniões de consumidores da marca o software de proteção contra ciberameaças tem de ser capaz de se adaptar a diferentes estilos de vida digitais, pois “nem todos os consumidores são iguais”. Tal é o caso dos aficionados dos videojogos, muitos dos quais estão dispostos a “sacrificar a segurança por questões de desempenho”.

A pensar no crescente mercado dos gamers em PC a McAfee desenvolveu o McAfee Gamer Security, um antivírus adaptado às necessidades deste tipo de utilizador. O software já está disponível online nos EUA, mas a disponibilidade noutras regiões está prevista para o fim de novembro ou inicio de dezembro, afirma o responsável.

No mercado português a nova família McAfee conta com quatro membros, disponíveis em breve em lojas como a Fnac ou a Worten: McAfee Antivirus Plus (59,95€); Internet Security 10 Devices (79,95€); Total Protection 1 Device (69,95€); Total Protection 10 Devices (89,95€).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.