O MyHeritage, serviço que fornece dados sobre a árvore genealógica e ADN, sofreu uma falha de segurança que expôs informação pessoal de quase todos os seus 96 milhões de utilizadores. No ciberataque que ocorreu a 26 de outubro de 2017 foram roubados os endereços de email dos utilizadores que se inscreveram para o serviço até essa data, totalizando 92.283.889 pessoas.

Contudo, a empresa afirma em  comunicado que não há indicações de que os dados tenham sido usados por terceiro e que as passwords são encriptadas, pelo que nenhuma foi comprometida. As informações sobre ligações familiares e de ADN são guardadas em servidores separados e não foram atingidas pela falha de segurança.

“Acreditamos que a intrusão está limitada ao endereço de email. Não temos razões para acreditar que quaisquer outros sistemas foram comprometidos”, pode ler-se no documento.

A MyHeritage pediu aos utilizadores para mudarem de password e garante que está a investigar o incidente, tomando medidas para que estas quebras de segurança não se repitam no futuro.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.