Cerca de 50 mil documentos relacionados com a inquisição vão ser digitalizados no âmbito de um projecto que conta com o apoio da Rede Eléctrica Nacional. O projecto, viabilizado por um protocolo assinado entre a REN e a Direcção-geral de arquivos, vai gerar cinco milhões de imagens, anunciou Isabel Pires de Lima, ministra da cultura.



O projecto de digitalização dos documentos que estão hoje guardados na Torre do Tombo vai custar um milhão de euros e beneficiar de um financiamento a 60 por cento da REN. O restante é suportado pelo Ministério da Cultura.


A digitalização dos 5 milhões de imagens deverá estar concluída num período de três anos.



Isabel Pires de Lima também anunciou que o espólio do Centro Português de Fotografia no Porto e do Arquivo Fotográfico de Lisboa vão ser disponibilizados online. O projecto de digitalização ficará disponível no site do Centro Português de Fotografia e integrará 14500 imagens.



Notícias Relacionadas:

2005-06-25 - Rede do Conhecimento coloca em rede 150 bibliotecas até 2006

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.