A missão, conduzida pela Agência Espacial Europeia está no terreno desde o ano passado, quando foi lançada a primeira Sentinela. O reforço mantém o objetivo, que está centrado na recolha de informação relacionada com o ambiente.



O Copernicus é um programa de monitorização que vai observar zonas florestais, zonas aquáticas, evolução dos solos e desastres naturais, para perceber o impacto das alterações registadas, devido a alterações climáticas ou outras.



O programa continuará no terreno até 2020 e nos próximos anos serão lançados ainda outros quatro satélites para reforçar a rede de monitorização.
O lançamento desta segunda Sentinela acontece entre as 02h30 e as 04h30 desta madrugada, mas a transmissão em direto só tem início às 03h30. Acontece na Guiana Francesa.



No site pode recolher outros detalhes sobre o projeto, que também tem marca portuguesa. A tecnologia da Critical Software assegura os sistemas de bordo dos satélites.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.