A P2P United, que representa várias redes peer-to-peer, revelou que está a trabalhar em colaboração com o FBI num programa de combate à pedofilia na Internet. Alvo de fortes críticas por parte do Congresso Americano pela facilidade de acesso a conteúdos pornográficos proporcionada pela generalidade destes sites, a organização enviou uma carta ao sub-comité para a protecção dos consumidores, adiantando que está empenhada em contribuir para a legalidade dos conteúdos trocados via Internet e adiantando que está a trabalhar com o FBI para ajudar a afastar das suas redes suspeitos de pedofilia.



Segundo a carta, citada pela Reuters, a P2P United assegura que todas as redes a si associadas em breve irão colocar nos seus respectivos sites uma lista dos "Mais Procurados", onde vão constar os principais suspeitos listados pelo FBI.



Adam Eisgrau, director da P2P United refere no documento o empenho da organização em realizar este programa e estima que este deva entrar em funcionamento nos próximos dois a três meses.



O FBI não comentou os dados divulgados, mas assegura que sempre que seja possível a colaboração com entidades privadas para combater a pornografia infantil na Internet está disponível.



As redes P2P além das suspeitas de troca de música de forma ilegal têm também estado na mira do Governo e autoridades americanas por serem muito usadas por jovens e crianças, mas também por suspeitos de pedofilia.



Segundo as mais recentes críticas do Capitólio, uma pesquisa simples, utilizando palavras como "Elmo" ou "Snow White" resultam geralmente no acesso directo a conteúdos sexuais explícitos.



Segundo a bancada republicana, numa discussão recente, este só pode ser um mecanismo dirigido a crianças, pelo que a proposta do partido vai para a necessidade de autorização por parte dos pais, antes que os menores possam instalar este tipo de software no seu PC.



Notícias Relacionadas:

2004-01-22 - RIAA volta a processar utilizadores de redes peer-to-peer

2002-08-12 - Serviços P2P Morpheus e Blubster vão integrar informação de segurança da McAfee.com

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.