O Google está a preparar a integração de imagens e logótipos em conjunto com a publicidade que exibe através do seu programa AdSense. A empresa que gere o motor de busca mais popular da Internet tem vindo a incluir apenas anúncios de texto em páginas de resposta às pesquisas dos seus utilizadores, garantindo aos anunciantes uma maior contextualização mas praticamente não alterando o aspecto do site nem admitindo informação muito intrusiva.

Para já esta adopção de imagem parece ser limitada ao programa AdSense e tem como objectivo aumentar as receitas desta área de publicidade, que aparentemente têm ficado abaixo das expectativas. Dos 962 milhões de dólares de facturação registada pelo Google em 2003, 95 por cento foram originados em publicidade, mas apenas 15 por cento é proveniente do programa de contextualização de anúncios de acordo com as pesquisas, o programa AdSense.

A receita do AdSense aumentou já ligeiramente durante o primeiro trimestre de 2004, para os 21 por cento do total da facturação, escreve a agência Reuters, mas a inclusão de imagem deverá alargar ainda o peso deste programa na contabilidade do Google.

Uma versão renovada do AdSense deverá estar disponível ainda hoje para os parceiros do motor de busca, mas o New York Times afirma que esta versão do software tem uma funcionalidade que poderá impedir a exibição de imagem. De acordo com uma notícia publicado no jornal norte-americano, mesmo que os anunciantes incluam a imagem na sua publicidade, não existe a garantia de que esta seja mostrada, já que o sistema do Google pode tomar a decisão de exibir apenas a versão de texto, baseado nos cálculos sobre que tipo de anúncio poderá atrair mais cliques dos utilizadores.

Notícias Relacionadas:
2004-04-30 - Google desvenda modelo para entrada na bolsa

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.