A empresa garante que investigou a informação disponível e as listas que supostamente expunham credenciais de utilizadores do seu serviço de correio eletrónico e concluiu que menos de 2% das passwords e nomes de utilizadores de quem usa o serviço foram visadas pelo problema.



Explica ainda que contactou os clientes a quem detetou este problema, solicitando-lhes a alteração das credenciais de acesso ao serviço, mas não assume qualquer falha de segurança.



"É importante sublinhar que neste caso como noutros, o acesso a passwords e nomes de utilizador não são o resultado de qualquer falha nos sistemas da Google. Frequentemente estas credenciais são obtidas a partir de uma combinação de outros recursos".

A empresa exemplifica que nos casos em que um utilizador recorre à mesma combinação senha/utilizador para vários sites, quando um destes é atacado e os dados ficam vulneráveis, o caminho está aberto para chegar a outras contas do mesmo utilizador.



A Google defende que uma das realidades da Internet hoje é um fenómeno conhecido como "credential dumps", que consiste na publicação de listas com nomes de utilizadores e passwords na Internet.



Garante que a empresa está "constantemente a monitorizar este tipo de ação, de forma a conseguir agir rapidamente e a proteger os utilizadores" e admite que esta semana encontrou várias listas que asseguravam estar a divulgar dados de clientes dos serviços da Google e de outras empresas. Ainda ontem um site russo divulgou informação deste género.



Nos casos confirmados, a Google garante que o sistema automático de deteção conseguiu identificar a maior parte das tentativas ilegítimas de login, pedindo aos utilizadores afetados que alterassem credenciais de acesso.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.