Durante o último mês de 2008, o Internet Explorer foi utilizado por 68,15 por cento dos utilizadores, baixando a sua quota relativamente a Novembro e Outubro, alturas em que obteve uma participação do 69,77 e 71,27 por cento, respectivamente.

Segundo a Net Applications, a quota de mercado do Internet Explorer baixou lentamente ao longo de todo o ano, perdendo os 75 por cento registados em Janeiro, uma quebra que beneficiou os concorrentes Safari, Firefox e Chrome.

Como tal, a quota de mercado do Firefox cresceu até aos 21,34 por cento, pouco mais de meio ponto percentual acima da quota obtida em Novembro. Já o Safari, chegou aos 7,93 por cento, enquanto que o Chrome, o browser da Google, conseguiu superar a quota de um por cento.

Os resultados agora publicados, colocam o Firefox numa posição privilegiada, já que o browser da Fundação Mozilla acabou o ano com a melhor marca de sempre face ao principal concorrente, o IE.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.