A Interpol lançou hoje um apelo aos internautas de todo o mundo para ajudarem a identificar um pedófilo suspeito de ter abusado de centenas de crianças e cujas fotografias circulam já na Internet. A organização não conseguiu ainda localizar este predador sexual, suspeito de viajar por vários países à procura das suas vítimas, e recorre por isso à Internet para divulgar a sua fotografia.

As imagens de abusos sexuais divulgadas pela Internet tinham sido alteradas para esconder a sua identidade mas especialistas da Bundeskriminalamt (BKA) na Alemanha, a trabalharem com a Interpol, conseguiram produzir uma fotografia identificável, que está agora a ser usado neste apelo.

A Interpol procura este homem há vários anos, tendo as primeiras fotografias sido localizadas na Alemanha em 2004. Porém, os esforços realizados pelos 186 escritórios da rede da Interpol e as unidades de especialistas não foram eficazes.

“Estamos agora convencidos que sem a ajuda do público este predador sexual pode continuar a violar e abusar sexualmente de crianças”, afirmou Ronald Noble, secretário geral da Interpol, citado pela Reuters.

Para fornecer pistas sobre a localização deste homem pode ser usado o site da Interpol ou a polícia local.

Notícias Relacionadas:
2007-09-19 - Criação de filtro anti-pedofilia analisada por 11 autoridades europeias
2007-04-17 - Imagens de pedofilia na Internet crescem em número e violência

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.