Entre os dias 5 e 6 de janeiro a empresa de estudos de mercado contou 17 mil referências a Eusébio da Silva Ferreira, numa análise que monitoriza a atividade online em plataformas como o Twitter, o Facebook, YouTube, sites de notícias ou blogs.



No dia em que foi comunicado o acontecimento foram identificas 11 mil menções ao tema nos media sociais, um número superior ao de qualquer outro evento isolado analisado pelo mesmo índice no ano anterior, incluindo a morte de Nelson Mandela.



O Facebook foi o espaço virtual onde a morte de Eusébio assumiu maior relevo, logo seguido do Twitter: 57% das referências contabilizadas passaram pelo Facebook, com uma publicação de Cristiano Ronaldo a assumir destaque.



O post onde os dois jogadores apareciam abraçados garantiu mais de 700 mil gostos e quase 30 mil partilhas. Pelo Twitter passaram 32% das referências, com destaque para uma publicação de Pepe.



O antigo jogador do Benfica e da seleção nacional foi mais referido que qualquer outra personalidade ou marca durante o período em análise, absorvendo cerca de um terço de todas as referências feitas online por esses dias, revela ainda a Marktest que apura a análise através do serviço Social Media Explorer.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.