O Youtube começou a disponibilizar a inserção de publicidade nos vídeos que os utilizadores portugueses carregam para a plataforma online. Até agora os internautas nacionais não conseguiam monetizar os conteúdos vídeo através do AdSense.

A novidade já deve estar disponível para a maioria dos utilizadores que se autenticam no Youtube. Na parte superior da página deve aparecer a seguinte mensagem:

[caption]Youtube AdSense[/caption]

Depois os internautas devem ler os termos de acordo de monetização de vídeos que a Google propõe e têm que aceitar algumas medidas específicas, como "não vou clicar nos anúncios Google dos quais me estou a servir" e "não vou monetizar conteúdos sobre os quais não tenha os direitos de autor suficientes". O termo de copyright também abrange a parte sonora que os vídeos possam ter.

Os utilizadores devem depois escolher a forma como permitem que a empresa de Mountain View use a publicidade nos filmes. Podem ser anúncios de sobreposição parcial ou podem ser anúncios vídeo que antecedem a visualização do conteúdo original.

[caption]Youtube AdSense[/caption]

Numa primeira fase a Google vai avaliar todos os vídeos publicados pelos utilizadores e indicar quais são elegíveis para monetização. Depois o utilizador pode escolher a partir de que criações pretende gerar dinheiro, opção disponível na barra de Ações.

Até agora os internautas portugueses só conseguiam monetizar os vídeos alojados no Youtube através do uso de um proxy que "enganasse" o sistema de deteção de país.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.