A RealNetworks acaba de apresentar a tecnologia Harmony, que a empresa afirma ser a o primeiro sistema de gestão de direitos de autor que permite ais utilizadores transferir de forma segura os ficheiros de música que compraram para os mais populares leitores de música digital, ultrapassando assim algumas das protecções proprietárias impostas pelos fabricantes.



O objectivo é permitir que os utilizadores do seu serviço online possam gravar os ficheiros comprados nos vários leitores, entre os quais se conta o iPod da Apple. A empresa de Steve Jobs tem limitado as negociações de compatibilidade com outros serviços de música, impedindo o crescente número de utilizadores dos seus leitores de música digital de descarregarem canções de outros serviços concorrentes do iTunes para os iPod.



A nova tecnologia será demonstrada amanhã numa conferência em Nova Iorque e é de esperar que a versão beta do RealPlayer 10,5, que já inclui a tecnologia Harmony seja também disponibilizada na mesma altura. Só mais no final do ano a Harmony irá integrar outros produtos da RealNetworks, nomeadamente o serviço Rhapsody




De acordo com o comunicado da RealNetworks, com a tecnologia Harmony os utilizadores vão poder construir as suas bibliotecas de música com a certeza de que poderão gravá-las e ouvi-las depois em qualquer leitor da sua preferência. Ao todo são suportados mais de 70 leitores portáteis, incluindo as 4 gerações do iPod e o iPod mini, a que se somam 14 produtos da Creative, outra 14 da Rio, 7 da RCA, 9 da PalmOne, 18 da iRiver e ainda os leitores da Dell, Gateway e Samsung, indica a RealNetworks.



A RealNetworks, tal como outras empresas que mantêm lojas de música online, enfrentavam o problema da compatibilidade com o iPod, actualmente líder de mercado de leitores de música digital. Os ficheiros descarregados pelos utilizadores da loja da RealNetworks só podiam ser ouvidos no computador e num pequeno número de leitores de MP3.



Com o software Harmony a RealNetworks afirma conseguir replicar o sistema de protecção do iPod para permitir a gravação e audição das músicas através da sua aplicação e ainda reproduzir o formato para gravar qualquer música no leitor de música da Apple, o que poderá dar origem a uma maior controvérsia no mercado à volta deste tema.



O movimento de criação de compatibilidade parece estar já a ser bem aceite no mercado, com as editoras BMG e EMI a mostrar o seu apoio à iniciativa. Da mesma forma Stone Gossard dos Pearl Jam e Fred Davis Shapiro, representante de vários músicos, são citados no comunicado à imprensa da RealNetworks, destacando a importância da simplificação do acesso às músicas e da flexibilidade para o crescimento da indústria de música online.

Notícias Relacionadas:

2004-07-22 - Mercado de leitores de música digital pode duplicar em 2004

2004-06-22 - Aliança para a compatibilidade de equipamentos digitais junta 145 empresas

2004-04-15 - RealNetworks tenta acordo com a Apple na área da música digital

2004-01-07 - RealNetworks lança nova versão de RealPlayer com loja de música associada

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.