O comércio electrónico na Europa durante a época de Natal de 2004 deverá gerar 13 mil milhões de euros, segundo as previsões da Forrester Research, num crescimento de 44 por cento comparativamente a igual altura do ano passado.



A Forrester acrescenta igualmente que a receita europeia superará a norte-americana, situando-se três mil milhões de euros acima do valor estimado de 10 mil milhões de euros para aquele mercado.



Com vendas na ordem dos 4,3 mil milhões de euros, o Reino Unido será responsável por 36 por cento da receita total, já a Alemanha arrecadará 29 por cento, gerando 3,8 mil milhões de euros, e a França terá uma responsabilidade de nove por cento, com receitas de 1,1 mil milhões de euros.



As viagens de lazer representarão a maior quota do mercado, com 21 por cento, seguidas de muito perto pelas vendas de acessórios, com 17 por cento.



O crescimento previsto para a Europa está relacionado com o aumento do número de compradores, com o investimento dos retalhistas tradicionais no comércio online e com uma promoção mais agressiva por parte das lojas Internet, refere a Forrester.



Notícias Relacionadas:

2004-03-03 - Lojas online portuguesas melhoram facturação no Natal de 2003

2003-12-26 - Lojas online podem bater recorde de vendas no Natal de 2003

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.