Uma coligação integrada no Information Technology Association of America anunciou que irá lançar uma campanha pública de sensibilização contra o roubo de identidades online. Esta associação de carácter empresarial, formada por empresas de tecnologias, pretende através da Coligação para o Roubo da Identidade Online desenvolver também acções junto dos seus colaboradores, incentivando-os a trabalhar com as autoridades no combate ao roubo de identidades via Internet.



A decisão surge da análise de um conjunto de dados estatísticos que revelam um aumento do roubo de identidades significativo nos últimos anos, atingindo níveis preocupastes. Os últimos trabalhos apontam para uma duplicação do número de identidades roubadas ao longo do último ano nos Estados Unidos, para um total de 162 mil casos, apurou a Federal Trade Commission.



Os dados do Gartner Group são bastante mais alarmantes e estimam que cerca de 3,4 por cento dos consumidores americanos adultos (cerca de 7 milhões) tenham sido vítimas de roubo de identidade ao longo do ano passado.


A ITAA, que inclui algumas das mais importantes empresas de Internet como o eBay, Microsoft ou o Yahoo! e empresas de cartões de crédito como a Visa, surge dois meses depois das autoridades norte-americanas começarem a tomar as primeiras medidas para controlar a questão. No Estado da Califórnia foi já criada uma lei que obriga as empresas a notificarem os seus clientes em caso de ser detectado um acesso não autorizado aos seus dados pessoais e a nível nacional foi criado o Fair Credit Reporting Act que pretende salvaguardar os mesmos direitos.



Para além das acções previstas no âmbito da associação, muitas empresas decidiram avançar por sua conta e risco com campanhas de sensibilização dos utilizadores para formas muito comuns de roubos de identidade, através de acesso ilícito a dados online. O eBay, membro da ITTA, é um dos brands mais utilizados pelos ladrões de identidades que enviam emails (ou criam websites) aos utilizadores, supostamente enviados pelo eBay requerendo os dados de acesso ao portal de comércio electrónico. Quando o utilizador introduz a sua password torna possível o acesso imediato dos ladrões a todos os dados cedidos à eBay como número de cartão de crédito, etc.



As fraudes com cartões de crédito são uma das formas mais comuns de roubo de identidade, registada nos Estados Unidos, revelam dados do Gartner Group.



As acções da ITAA são vistas com bons olhos pela generalidade do sector já a nova legislação levanta alguma controvérsia temendo-se que assuste os utilizadores e os faça limitar o seu uso da Internet.



Notícias Relacionadas:

2003-05-19 - Estados Unidos reforçam luta contra crime informático

2003-04-10 - Fraude na Internet triplica em 2002

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.