Há um novo ataque informático à Sony, garante um grupo de hackers que se intitula LulzSec. O grupo assegura ter conseguido tirar partido de uma vulnerabilidade no site Sony Pictures para aceder a dados de mais de um milhão de utilizadores e a dados da empresa.



No que se refere às contas dos utilizadores, o grupo terá conseguido aceder a informação pessoal, como senhas de acesso, endereço de email e moradas.



Terá acedido ainda a 75.000 códigos de música e 3,5 milhões de cupões de música, bem como a informação das bases de dados da Sony BMG na Holanda e na Bélgica.



O grupo, responsável também por um ataque recente à página Web da televisão PBS nos Estados Unidos, garante ainda que os dados a que conseguiu aceder não estão encriptados e assegura que levar a cabo o ataque também não foi difícil. Para o fazer tirou partido de uma vulnerabilidade comum e recorreu a uma única injecção de código (SQL) para ser bem sucedido, questionando por isso a legitimidade da Sony para pedir confiança aos utilizadores, quando está tão mal protegida contra possíveis ataques.



Recorde-se que a Sony acabou de restabelecer o acesso à PlayStation Network, depois do serviço ter estado quase dois meses fora do ar, na sequência de um ataque massivo. Desde então, ataques a outros serviços da companhia também têm sido denunciados e confirmados, colocando em risco os dados de mais de 100 milhões de clientes da fabricante nipónica. Tudo numa altura em que a empresa ainda está a recuperar dos efeitos do sismo no Japão, que a obrigou a paralisar várias fábricas.



A Sony reagiu entretanto à nova denúncia de ataque e diz que está a investigar o caso.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.