No lugar dos aspectos normalmente publicitados, nomeadamente a velocidade, os ingleses parecem preferir a banda larga por outras razões, apreciando principalmente o facto de não terem que se preocupar com os custos associados às longas sessões online, de acordo com o estudo da Work Foundation, divulgado pela BBC News.



Os funcionários das pequenas empresas e os clientes residenciais de banda larga na área de Londres e Leeds, no Reino Unido, não estão realmente interessados na velocidade com que podem efectuar o download de sites e ficheiros proporcionada pela tecnologia, garantem os responsáveis pelo estudo. Em vez disso a banda larga parece estar a diminuir a interacção dos cibernautas com a Internet. "Os utilizadores de banda larga não estão realmente a fazer coisas que necessitem de velocidade", refere.



James Crabtree, um dos autores do estudo, citado pela BBC News, refere ainda que a análise realizada indicia que a banda larga elimina a fobia de passar demasiado tempo online, normalmente sentida entre os utilizadores de ligações dial-up. Os internautas com acessos à Internet por dial up estão muitas vezes preocupados porque enquanto navegam não podem fazer uso do seu telefone, além de que, para muitos, o serviço é cobrado ao minuto.



Notícias Relacionadas:

2002-07-03 - Dinamarca lidera acesso europeu à Net em banda larga

2002-06-24 - Banda larga é mais barata no Reino Unido

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.