O grupo inglês Virgin vai lançar no final de Agosto um serviço de música online para concorrer com o iTunes da Apple, o renovado Napster e um conjunto de outros projectos de venda de música online que têm surgido nos últimos tempos. O projecto está a ser desenvolvido em parceria com a MusicNet, um serviço de distribuição de música online, com quem está a ser realizada a integração e promoção da loja online e do clube de subscrição que funcionarão sob o brand da recém formada Virgin Digital, esclarece um comunicado.



O documento adianta que vão estar disponíveis mais de 700 mil faixas de música em dois modelos distintos de distribuição. Os clientes poderão pagar por faixas isoladas de música, à semelhança do que acontece no serviço iTunes, ou subscrever um serviço mensal sujeito a um fee, que dará acesso a todo o catálogo musical sem necessidade de pagamentos adicionais.



O portfólio de músicas do serviço online vai estar disponível através da Internet, em quiosques nas lojas físicas e para download via telemóvel ou através de outros dispositivos electrónicos. Para já, as empresas não revelaram os preços a praticar nas duas modalidades de serviço adiantando apenas que serão competitivos face à restante oferta do mercado, relata a Reuters com base em apresentação divulgada num evento de apresentação do serviço.



O software que permitirá o download de músicas do novo serviço vai estar disponível através da Internet e em CD nas lojas de música do grupo e vai suportar o Windows Media Player da Microsoft e o formato WMA.



A Virgin Digital é a mais recente empresa do grupo Virgin e tem-se dedicado à área de telefonia móvel, electrónica de consumo e dispositivos portáteis.



Notícias Relacionadas:

2003-06-12 - Musicnet adopta formato Windows Media Player da Microsoft


2001-09-17 - MusicNet disponível para parceiros nas próximas semanas

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.