Em 24 horas foram identificadas 12 novas variantes do worm Spamta. A ameaça desenrola-se através do envio massivo de mensagens de correio electrónico que carregam o worm Spamta.CY e as possibilidades de infecção intensificam-se com o grande número de variantes em circulação.



Identificado pelos laboratórios da Panda Software, o worm está para já programado com o objectivo de se propagar rapidamente via email, mas a empresa alerta para o facto de a qualquer momento este poder ser reprogramado com novas funções de consequências mais graves para o utilizador. Até agora foram reportados 200 incidentes originados pelo Spamta.



A estratégia de multiplicação das variantes do worm é comentada por Luis Corrons, director do Panda Labs, como "uma estratégia que se tornou popular no início de 2005, com famílias de vírus como o Bopia".



O responsável acrescenta que com esta estratégia os cibercriminosos estão a "tentar tirar partido das limitações dos antivírus tradicionais, que apenas conseguem detectar códigos maliciosos previamente identificados", uma questão que só pode ser ultrapassada com actualizações constantes.



Notícias Relacionadas:

2006-09-25 - Utilizadores domésticos tornam-se alvo preferencial de ataques informáticos

2006-09-25 - Panda reporta 6.995 novos trojans bancários entre Janeiro de 2005 e Agosto de 2006

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.