A Hispalinux, associação que representa a comunidade de utilizadores e programadores Linux em Espanha, apresentou uma queixa à União Europeia contra a Microsoft por violação das regras de livre concorrência. Em causa está a complexidade que é exigida para instalar outro sistema operativo em computadores equipados com Windows 8 de origem.

Segundo a queixa apresentada, a empresa de Redmond incluiu um "mecanismo de obstrução" no novo Windows que dificulta a instalação de outros sistemas operativos. O UEFI Secure Boot, um sistema de segurança de arranque, restringe a instalação de outros software como as distribuições Linux por não serem certificados.

Os utilizadores são obrigados a introduzir as chaves de registo do Windows no kernel do Linux para conseguir modificar os níveis de restrição de arranque. Este método comporta riscos pois caso a Microsoft desative essas chaves, o computador fica inutilizável.

"A plataforma Windows da Microsoft está menos neutral do que nunca. É uma situação má para os utilizadores e para a indústria europeia do software", pode ler-se no relatório de 14 páginas que foi entregue pelo líder da Hispalinux, José María Lancho, na quinta-feira 21 de março no gabinete oficial da União Europeia em Madrid.

O grupo defensor do software open source refere ainda que a parceria entre hardware e software é feita pela Microsoft e as fabricantes, e não pelo consumidor final, pelo que deve haver poder de decisão e possibilidade de se fazer um dual-boot, por exemplo.

A Hispanilux espera que a investigação à tecnológica norte-americana tenha início dentro de pouco tempo e todos os oito mil membros da associação estão à disposição do organismo europeu para ajudarem na investigação do caso, revela a Reuters.

A gigante tecnológica pode ter outra vez os reguladores europeus à perna, depois de no início do mês ter sido multada em 561 milhões de euros por uma falha no Windows 7 que condicionou a concorrência, segundo a apreciação da Comissão Europeia.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.