A Cisco Systems, uma das maiores fabricantes de redes de telecomunicações, comprou a Sourcefire, empresa especializada em tecnologias de segurança. A ideia passa por reforçar a presença da tecnológica na indústria da segurança como forma de compensar as perdas que têm sido registadas noutros sectores de negócio da multinacional.

A Sourcefire desenvolve atualmente soluções de cibersegurança que dão resposta à cada vez maior utilização de dispositivos ligados à Internet. A Cisco vê nestes sistemas uma oportunidade de fazer crescer a sua expressão neste segmento. Com a compra da tecnológica a Cisco ganha acesso ao portfólio e soluções da empresa na área do malware, das firewall de próxima geração e nos sistemas de prevenção a intrusos (IPS).

A importância dos sistemas de segurança é reconhecida por um dos vice-presidentes da Cisco, Chris Young, ao considerar que "o panorama das ameaças está mais dinâmico do que nunca". A ideia passa por integrar estes sistemas nas soluções da empresa e atrair novos parceiros no segmento das redes de defesas a ameaças.

A Cisco vai pagar mais de 20% do que o último valor registado pela Sourcefire na bolsa de valores e o negócio deve ficar concluído até ao final do ano.

Esta é a sétima aquisição que a Cisco oficializa em 2013, a segunda na área da segurança e é também a maior de todas pelos valores envolvidos no negócio.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.