É hoje apresentado oficialmente ao final da tarde o concurso internacional para a contratação de 1.000 investigadores doutorados a integrar nas instituições científicas portuguesas, uma medida que cumpre um dos pontos do Programa do Governo para a área da Ciência.

A apresentação da iniciativa é feita no Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (IPATIMUP) e conta com a presença do Primeiro-Ministro José Sócrates e do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, José Mariano Gago.

O lançamento do concurso surge na sequência de uma selecção prévia das instituições científicas de acolhimento. A lista de instituições já seleccionadas e o número de lugares a concurso estão já disponíveis no portal criado pela FCT para este concurso.

Como critério de selecção dos investigadores é necessário que os candidatos tenham 3 anos de experiência e produção científica relevantes pós-doutoramento. Os investigadores serão integrados nas instituições em regime de contrato individual de trabalho.

Refere-se ainda que os concursos estarão abertos pelo período mínimo de dois meses e devem, em regra, encerrar até 30 de Agosto de 2007, devendo obrigatoriamente ser anunciados em conjunto num portal nacional da FCT.

As candidaturas a cada instituição serão avaliadas por um júri que deverá integrar "especialistas de indiscutível reputação, e cientistas externos à instituição incluindo especialistas de instituições científicas de outros países", refere a Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Notícias Relacionadas:

2007-04-04 - CE avança com Livro Verde sobre Espaço Europeu de Investigação

2005-03-18 - Programa de Governo aposta nas novas tecnologias para desenvolvimento económico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.