A Federal Trade Commission, entidade reguladora do comércio nos Estados Unidos, está a investigar as práticas de marketing da VeriSign, companhia conhecida por registar endereços da Internet, informou o New York Times citando fontes da própria empresa.



Nos últimos meses, a VeriSign tem sido alvo de uma série de processos judiciais que a acudam de práticas enganadoras de marketing ao tentar persuadir os clientes de empresas rivais a trocar de fornecedor de endereços de Internet, também conhecidos por nomes de domínio. Uma questão crucial reside em saber se a VeriSign obteve ilicitamente a informação relativa aos clientes da concorrência.



A empresa - que é um dos maiores fornecedores da Internet de serviços de registo para os domínios de tipo como ".com", ".net" e ".org" - afirmou que estava a cooperar com o inquérito. "A FTC pediu-nos que não comentássemos o seu pedido de informações relativas às nossas actividades de marketing no negócio de nomes de domínio", afirmou um porta-voz da companhia citado pelo jornal nova-iorquino.



Em Junho, a VeriSign concordou em obedecer a uma ordem de um tribunal para parar de enviar avisos relativos ao termo do prazo de validade de nomes de domínio aos clientes das suas rivais. A Go Daddy, uma concorrente, interpôs uma acção legal contra VeriSign num tribunal distrital do estado do Arizona. Esta companhia, que também fornece serviços de registo, afirmou que a VeriSign enviou avisos por email aos seus clientes na tentativa de levá-los a transferir as contas.



Duas outras concorrentes, a BulkRegister.com e a InterCosmos Media Group, também processaram separadamente a companhia. Para além disso, a VeriSign foi também alvo de vários processos colectivos. Em todos os casos, foi acusada de enviar material de marketing que dá erradamente a entender aos clientes das suas rivais que o seu nome de domínio está prestes a atingir o termo de validade, com vista a persuadi-los a assinar um contrato com a VeriSign.



De acordo com a agência Reuters, a FTC está também a investigar a relação da VeriSign com a empresa de alojamento de sites na Web Interland, com base em acusações semelhantes. Esta última companhia é desde há muito um revendedor de nomes de domínio da VeriSign.



Em Maio de 2000, a divisão Network Solutions da VeriSign investiu 10 milhões de dólares (10,37 milhões de euros) na Interland e as companhias anunciaram que iriam alargar um antigo acordo co-promocional, nos termos do qual os nomes de domínio e produtos de segurança para comércio electrónico da VeriSign foram comercializados a pequenas e médias empresas de alojamento de sites.

Notícias Relacionadas:

2002-01-31 - VeriSign revê proposta de atribuição de endereços Web desactivados

2001-10-11 - VeriSign e RealNames anunciam parceria para venda de palavras-chave

2000-03-08 - VeriSign comprou Network Solutions

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.