O Samsung Galaxy Nexus voltou este fim de semana a estar disponível para venda nos Estados Unidos, avança a CNET - que disponibiliza uma captura de ecrã da loja online da Google, onde o equipamento voltou a poder ser encomendado (para entregas no espaço de duas a três semanas).

As vendas do "telefone da Google" tinham sido temporariamente proibidas, a 29 de junho, na sequência de uma providência cautelar intentada pela Apple no âmbito de um processo por violação de patentes que as duas fabricantes disputam perante um tribunal da Califórnia.

Entretanto a Samsung recorreu e pediu à juíza que suspendesse a entrada em vigor da providência cautelar, mas sem êxito, pelo que o equipamento chegou mesmo a estar indisponível, nomeadamente na loja online da Google.

Esta sexta-feira, o tribunal de recurso deu razão à fabricante coreana e levantou a proibição de venda do smartphone em território norte-americano, relata o site especializado. Trata-se, no entanto, de uma decisão ainda com carácter temporário, que se aplica enquanto os magistrados decidem se deve ou não ser dado deferimento ao pedido da Apple.

A criadora do iPhone acusa a empresa coreana de "copiar descaradamente" os seus produtos com a linha Galaxy e conseguiu ver aprovadas, pelo tribunal de primeira instância, duas providências cautelares para suspender vendas de equipamentos da concorrente enquanto decorre o processo (que se arrasta desde: o Galaxy Tab 10.1 e o Galaxy Nexus. A Samsung recorreu de ambas.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.