Os resultados anuais da Portugal Telecom, revelados esta manhã, superaram as expectativas dos analistas mostrando uma subida de 18,7% nos lucros, para os 684 milhões de euros, mesmo em ano de crise. A venda da marroquina Meditel deu um impulso aos resultados positivos de 2009, gerando um ganho financeiro de 267 milhões de euros.

Apesar da subida dos lucros, as receitas da operadora subiram menos de 1%, totalizando 6.785 milhões de euros, com o EBITDA a subir também 0,9% para os 2.502 milhões de euros.

O último trimestre do ano teve um peso importante no crescimento das receitas e dos lucros, que mais do que duplicaram em relação ao período homólogo, enquanto as receitas subiram 6,7%.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Em termos de clientes a PT conseguiu angariar 325 mil assinantes, voltando o serviço de triple play Meo a dar uma ajuda importante para reduzir a taxa de corte de linhas fixas e para ganhar quota de mercado na banda larga. No ADSL o número de clientes cresceu 21,5% para os 862 mil, com o registo de 152 mil novos assinantes durante o ano. Só no último trimestre a PT conseguiu a contratação de mais de 50 mil clientes de serviços ADSL.

Na área os móveis a TMN totalizava no final de 2009 7.252 mil clientes, angariando no último trimestre 180 mil assinantes, com crescimento do número de clientes pós-pago e onde as adesões à banda larga móvel voltam a ter um peso significativo.

Ainda assim as receitas de serviço diminuíram 4,7% no último trimestre, referindo a PT que isso se deve às "condições económicas adversas", mas também à redução das receitas de clientes, da facturação de roaming e da venda de equipamentos, que fizeram com que as receitas operacionais da TMN caíssem 7%.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.