No ano passado, o mercado de videojogos e consolas aumentou consideravelmente face a 2006. A indústria fechou o ano com uma facturação de 17,9 mil milhões de dólares apenas nos Estados Unidos, o que representou um aumento de 43 por cento face ao período homólogo.



Os dados do NPD Group indicam que só na época do Natal os norte-americanos gastaram 4,82 mil milhões de dólares em jogos e consolas, um recorde em facturação.



Apesar de o crescimento mundial do sector ainda não estar apurado, sabe-se que as consolas de próxima geração foram as que impulsionaram, pela segunda vez, o crescimento anual de dois digitos do mercado, já que no ano passado o crescimento foi de 19 por cento.



A Nintendo foi a fabricante que mais destaque teve. Os dois produtos estrela da companhia, a DS e a Wii, venderam nos Estados Unidos 8,5 e 6,3 milhões de unidades, respectivamente. Estes resultados garantiram à empresa mais de 50 por cento de quota de mercado.



Quanto às consolas da Sony, registou-se a venda de 3,97 milhões de PS2 e de 2,86 milhões de PS3 nos Estados Unidos. A Xbox 360, da Microsoft, não foi além das 4,62 milhões de consolas vendidas no mesmo mercado, se bem que a procura pelo jogo Halo 3 compensou: 4,82 milhões de cópias vendidas.



Por sua vez, no Japão o mercado de videojogos e consolas foi responsável por uma facturação de 6,3 mil milhões de dólares no ano passado. Mais uma vez, Nintendo DS liderou com 7,1 milhões de unidades vendidas, seguida da Wii com 3,6 milhões. As vendas da PS3 não foram além das 1,2 milhões de consolas. Ainda assim, pior foi o resultado da Xbox 360: 260 mil unidades vendidas.



Para já, só foram tornados públicos os dados referentes ao mercado norte-americano e nipónico embora seja de esperar que nas próximas semanas sejam revelados os resultados europeus.



Notícias Relacionadas:

2007-01-16 - Mercado de videojogos bate recorde de vendas em 2006

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.