A Microsoft anunciou que vai ampliar o seu plano de reetruturação, eliminando mais 800 postos de trabalho a nível mundial.

De acordo com a informação avançada, entre os postos de trabalho a eliminar, 200 dizem respeito à sede da empresa, em Redmond, Washington.

A subsidiária portuguesa não será afectada pelos cortes agora anunciados, segundo apurou o TeK junto da mesma.

As novas dispensas somam-se às 5.000 avançadas em Janeiro, que implicavam um corte de cinco por cento dos 96 mil postos de trabalho, até ao início de 2010, "uma meta que está adiantada quanto ao calendário previsto", declarou um porta-voz da empresa, citado pela imprensa internacional.

De acordo com o site do grupo, a Microsoft tinha 91.005 empregados a nível mundial a 23 de Outubro último.

A subsidiária portuguesa da Microsoft integra 450 colaboradores, incluindo os colaboradores do Centro de Investigação e Desenvolvimento para a Mobilidade, situado em Braga, resultantes da aquisição da empresa portuguesa Mobicomp que a Microsoft Corporation anunciou em Junho de 2008.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.