A Nokia e Sanyo anunciaram um acordo preliminar para a criação de uma nova empresa que reuna os activos de ambos na área do CDMA e se imponha como estrutura autónoma às duas companhias. Esta nova entidade vai operar a partir de San Diego nos Estados Unidos e Osaka e Tottori nos Japão, recebendo de herança os activos da Nokia e da Sanyo ao nível do CDMA. Com as empresas fundadoras a nova entidade vai ter um relacionamento de parceria, conforme explica um comunicado.



O acordo final para a criação da nova estrutura vai ser assinado durante o segundo trimestre deste ano, para no trimestre seguinte a nova entidade começar a funcionar. O principal contributo da Nokia para a nova estrutura serão a gama de produtos de entrada e de segmento médio que já comercializava e as relações comerciais com 60 operadores da tecnologia em todo o mundo. A Sanyo, por seu lado, contribui com o bom relacionamento nos mercados do Japão e América Latina e o posicionamento confortável nos segmentos médio e alto do mercado de equipamentos móveis CDMA.



"Encaramos esta nova entidade como a melhor forma de criar um portfólio de equipamentos que chega aos três principais segmentos do mercado", explica Olli-Pekka Kallasvuo, presidente e CEO da Nokia. "Acreditamos que a criação desta empresa separada vai proporcionar à Nokia benefícios financeiros desde o início", continua.



No 3GSM World a Nokia anunciou ainda uma parceria com a Sony Ericsson que visa o desenvolvimento da inter-operacionalidade para equipamentos e segurança de serviços móveis de DVB-H, a norma europeia para a televisão digital no telemóvel. A parceria tem efeitos a partir deste ano.



Notícias Relacionadas:

2003-03-31 - Nokia reforça posição na China com fusão de 4 joint ventures

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.