A PHC anunciou a abertura de um escritório em Madrid. O investimento tem como objetivo ajudar a consolidar a presença da fabricante de software de gestão no país vizinho.

A empresa portuguesa entrou no mercado espanhol há cerca de dois anos. Começou pela localização de software e pelos acordos com parceiros locais. No ano passado avançou com a abertura de um escritório em Sevilha, que também funciona como centro de formação.

Na altura, a decisão era explicada pelo facto da Andaluzia, a par com a Galiza, serem regiões de Espanha identificadas pela empresa como centrais no processo de internacionalização para Espanha, pela sua proximidade geográfica e cultural a Portugal, mas também pelo potencial de desenvolvimento das regiões no que se relaciona com o mercado de TI.

Em novembro do ano passado, quando anunciou a abertura do escritório de Sevilha, a PHC contava com um total de nove parceiros certificados em Espanha, distribuídos pela Galiza, Madrid, Huelva e Sevilha. À data de hoje conta também já com parceiros em Lugo, Valência, Cádis e Bilbau, entre outras cidades espanholas.

As novas instalações em Madrid - que tal como as instalações de Sevilha servem de centro de formação - arrancam com três pessoas, dois colaboradores da área técnica e um colaborador para a área comercial.

"O passo seguinte passará pela expansão e investimento noutras regiões de Espanha, repetindo o processo, limando as arestas necessárias, e adaptando-nos sempre às diferentes realidades que iremos encontrar ao longo deste desafio", explica Ivone Baptista, diretora comercial internacional da empresa, citada numa nota de imprensa.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.