O consumo de energia através de fontes renováveis tem aumentado em toda a União Europeia. Em 2004 apenas 8,5% da energia consumida provinha de fontes renováveis.

Dados recentemente divulgados pelo Eurostat, o gabinete de estatísticas da União Europeia (UE), mostram que, 12 anos depois, a quota foi fixada nos 17%. A meta estabelecida para 2020 é de 20%.

Em Portugal, 28,5% da energia consumida em 2016 foi produzida por fontes limpas, o que compara com os 19,2% em 2004. A meta de Portugal para 2020 é de 31%.

Dos 28 Estados-membro da UE, em 2016, 11 já ultrapassaram as metas individuais fixadas para 2020, como, por exemplo, a Suécia em que o consumo final bruto de energia é de 53,8% quando a meta era de 49%.

tek energias

Na outra ponta da escala e mais afastados dos seus objetivos, encontram-se países como a Holanda, a França e o Luxemburgo.

Cada Estado-Membro da UE tem as suas próprias metas para 2020. Os objetivos nacionais têm em conta os diferentes pontos de partida dos Estados-Membros, o potencial de energia renovável e o desempenho económico.

tek energias

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.