Foram ontem divulgados os resultados financeiros da Intel relativos ao segundo trimestre fiscal deste ano, que terminou a 28 de Junho. Pela terceira vez consecutiva os números revelados superaram as expectativas do mercado e foram também "ligeiramente acima" das previsões da própria empresa, afirmou director executivo da Intel, Craig R. Barrett, em comunicado.



As receitas do trimestre situaram-se nos 6,8 mil milhões de dólares, o que mostra um crescimento de 12 por cento em relação ao período homólogo de 2002. Os resultados líquidos reportados foram de 896 milhões, numa subida de 101 por cento em relação ao segundo trimestre de 2002, mas registando uma quebra de 2 por cento face aos valores do primeiro trimestre deste ano.



O director executivo da empresa de semicondutores referiu que os mercados emergentes continuam a ser uma contribuição forte para as receitas da Intel e que a região da Ásia-Pacífico registou receitas recorde neste trimestre. Craig Barrett salientou ainda que o investimento da empresa na área de I&D tem trazido bons resultados, gerando produtos fortes e com boa aceitação de mercado. Este investimento vai ser reforçado este ano, aproximando-se dos 4,2 mil milhões de dólares devido sobretudo à transferência de recursos das actividades de desenvolvimento de tecnologia de 90 nanómetros.



Recusando-se a inferir já uma retoma do mercado de PCs, o director financeiro da Intel afirmou em conferência de imprensa que estes resultados são mais um produto de um segundo trimestre forte do que de um crescimento dos orçamentos das empresas para as tecnologias da informação, segundo uma notícia da agência Reuters.



Ainda assim, as previsões para o próximo trimestre são positivas, com expectativas de crescimento da margem líquida de 54% para o terceiro trimestre e o ano de 2003.

Notícias Relacionadas:

2003-01-15 - Intel duplica lucros durante quarto trimestre de 2002

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.