Durante 2003, os resultados operacionais da sueca Tele2, a operar em Portugal na área da rede de telefonia fixa, aumentaram para os 4,1 mil milhões de euros, numa subida de cerca de 20 por cento comparativamente aos 3,4 mil milhões registados no final do ano anterior.




Ao mesmo tempo, o cash-flow, já depois de investimentos, atingiu os 379 milhões de euros, o que representou um acréscimo de 85 por cento. Os resultados líquidos, depois de impostos, aumentaram para os 266 milhões de euros enquanto os ganhos por acção subiram para os 1,8 euros.




No quarto trimestre de 2003, a Tele2 diz ter conquistado mais 1,9 milhões de clientes, elevando a sua base total de clientes para os 22,3 milhões no final do ano. Os serviços telefónicos fixos e de Internet conquistaram mais de 1 milhão de novos clientes, quadriplicando os conseguidos no mesmo período do ano anterior, o que segundo a operadora "demonstra a eficácia da filosofia de preços baixos adoptada".




"Em 2003, a Tele2 demonstrou que continua a ser uma empresa de forte
crescimento e rentabilidade", refere Lars-Johan Jarnheimer, presidente e CEO da Tele2, em comunicado, acrescentando que o equilíbrio entre crescimento do número de clientes, rentabilidade e geração de cash-flow continuará a ser em 2004 o objectivo prioritário da operadora.




Notícias Relacionadas:

2003-09-05 - Tele2 começa a operar em Portugal no próximo dia 12 de Setembro

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.