A SAP anunciou lucros de 1,5 mil milhões de euros para o exercício de 2005, num crescimento de 14,5 por cento muito influenciado pela boa performance da empresa nos Estados Unidos. As vendas totais da companhia aumentaram 13 por cento, para 8,51 mil milhões de euros. Só no mercado americano as receitas de licenças aumentaram 31 por cento, ao longo do último ano, enquanto na Ásia subiram 25 por cento.



Para 2006 as previsões da empresa alemã são igualmente optimistas. A SAP estima crescer entre 15 e 17 por cento no que respeita à venda de licenças e voltar a aumentar lucros. No que se refere às receitas de produtos - que combinam receitas de software e manutenção - a empresa espera um crescimento de 13 a 15 por cento.



Em comunicado, Henning Kagermann sublinha que a SAP continua a "demonstrar que o crescimento orgânico é uma forma muito efectiva de atingir o sucesso na indústria. Isso beneficia os clientes, parceiros e accionistas".



Recorde-se que o ano passado ficou marcado pela rivalidade entre SAP e Oracle, com um conjunto de acções por parte da empresa americana para ganhar terreno à líder mundial de software empresarial, nomeadamente através de aquisições que visaram fortalecer a posição da Oracle em segmentos específicos da indústria.



Os resultados da SAP, dizem os analistas citados na imprensa internacional, comprovam a boa performance da empresa e indicam uma subida da sua quota de mercado, mesmo com uma concorrência mais intensa.



Notícias Relacionadas:

2005-03-23 - Retek opta por proposta de 643 milhões de dólares da Oracle


2005-03-08 - SAP Portugal factura 55,9 milhões de euros em 2004 num crescimento de 17%

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.