Rolf Schmidt-Holtz, presidente da Sony BMG admitiu ontem existirem conversações preliminares entre o seu grupo e a rede peer-to-peer Grokster, que poderão conduzir à criação de um serviço de música legal.



O responsável admitiu, em declarações à Reuters que a troca de ficheiros de música via Internet atingiu uma proporção impossível de ignorar, pelo que as estratégias da indústria discográfica para os canais de Internet deverão ter em conta este fenómeno.



"Não estou a negociar eu próprio, enquanto presidente da Sony BMG, mas admito que membros da minha equipa mantêm com a Grokster conversações ainda numa fase muito preliminar".



O mesmo responsável acrescentou que é notório um aumento da procura deste tipo de serviços, justificando o interesse da Sony em contribuir para que os projectos ganhem carácter legal.



A Grokster é uma das redes peer-to-peer mais populares junto dos utilizadores de Internet mais jovens e também um dos principais alvos de críticas por parte da indústria discográfica por dar abrigo a acções piratas responsáveis por danos de milhões de dólares nos últimos anos.



Notícias Relacionadas:

2003-06-16 - Sony disponibiliza música online para utilizadores do Reino Unido

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.